Tempo de Leitura: 2 minutos

Uma das principais dúvidas das mulheres que desejam ter filhos é saber se quem tem cisto no ovário pode engravidar. Afinal, esse problema é muito comum e atinge cerca de 25% das mulheres férteis (entre 20 e 35 anos de idade) no Brasil.

Quer descobrir a resposta para este questionamento e entender mais sobre o assunto, desde as causas dos cistos e até os tratamentos? Continue a leitura do artigo que preparamos para você!

O que é um cisto no ovário e os tipos mais comuns

Primeiro, é necessário saber o que é o cisto no ovário, como se formam e quais os tipos mais comuns, para depois compreender se quem tem cisto no ovário pode engravidar.

O cisto é uma bolsa de líquido — de sangue ou de outras estruturas — que se forma no ovário, geralmente no período reprodutivo da mulher. Os mais comuns são:

  • cistos funcionais: representa a maioria dos casos e são desenvolvidos durante o ciclo menstrual. Quando persistem, a tendência é diminuir sozinho com o passar do período, em até três meses. Podem ser de dois tipos: foliculares ou lúteos;
  • endometrioma: é o cisto com conteúdo achocolatado, presente em alguns casos de endometriose;
  • teratoma: tipo de tumor, geralmente benigno, que surge devido à proliferação de células germinativas;
  • cistoadenoma: outro tipo de cisto simples do ovário, cheio de líquido, originado do revestimento do ovário.

Apesar de não existir medidas preventivas, é importante fazer acompanhamento ginecológico para identificar, o quanto antes, possíveis problemas de saúde.

Além disso, nunca tome remédios sem supervisão médica, como por exemplo os indutores de ovulação, pois podem causar cistos no ovário.

Como saber se tenho cisto no ovário?

A forma mais eficaz de determinar a presença de cisto no ovário é por meio do ultrassom transvaginal. Na suspeita de algum problema mais grave — como nos casos em que o cisto evolui rapidamente ou histórico familiar de câncer de ovário —, pode ser solicitado outros exames, como ressonância, tomografia e marcadores tumorais.

Geralmente, esses cistos não apresentam sintomas. Entretanto, algumas mulheres podem sentir dor pélvica, sensação de peso na pelve, desconforto durante a relação sexual e irregularidade menstrual.

Afinal, quem tem cisto no ovário pode engravidar?

Na maior parte das vezes, sim, pois a maioria são cistos benignos. Alguns podem interferir na fertilidade da mulher, como cisto de endometriose ou cistos grandes, que podem distorcer a anatomia pélvica, principalmente as tubas uterinas, dificultando a gestação.

Nem todos os casos necessitam de tratamento específico ou, muitas vezes, apenas o uso de anticoncepcionais hormonais costumam eliminar o problema ou então, aguardar a regressão espontaneamente.

Quando o cisto é maior que cinco centímetros, é indicado a realização da cirurgia de remoção — laparoscopia — antes da gravidez, para que não haja complicações , como a “torção do ovário” durante a gestação. Já para o tratamento da infertilidade, depende do tipo de cisto e outros fatores como qualidade do sêmen, tempo de infertilidade e permeabilidade das tubas para o tratamento adequado para cada paciente.

Gostou de descobrir que quem tem cisto no ovário pode engravidar? Para mais conteúdos como este, continue navegando pelo blog da VidaBemVinda!