Laparoscopia

A videolaparoscopia, popularmente conhecida como laparoscopia, é uma técnica cirúrgica moderna utilizada no tratamento de algumas doenças ginecológicas que podem levar à infertilidade (como endometriose, aderências, alterações nas tubas e miomas uterinos). Esta cirurgia é considerada minimamente invasiva já que o cirurgião visualiza e manipula os órgãos localizados no interior da cavidade abdominal por meio de uma câmera e pinças com menos de 1 centímetro de diâmetro, fazendo pequenos cortes na pele.

O que é laparoscopia?

A laparoscopia é uma cirurgia em que o médico realiza uma pequena incisão na região abdominal de pequeno tamanho, por onde é introduzido o laparoscópio, que consiste em um fino tubo de fibras óticas para a avaliação da cavidade abdominal. A microcâmara incorporada ao equipamento permite que o médico tenha uma visão ampla da região, avaliando e diagnosticando possíveis doenças que causem a infertilidade. Esta técnica tem a vantagem de ser pouco invasiva, possibilitando boa recuperação para a paciente.

As vantagens em relação à cirurgia convencional (aquela feita por meio de um corte maior, semelhante ao da cesárea) são:

  • Melhor visualização dos órgãos abdominais e pélvicos;
  • Menor dor no pós-operatório;
  • Menor tempo de internação hospitalar;
  • Retorno mais precoce às atividades habituais;
  • Redução da perda de sangue;
  • Menor formação de aderências no pós operatório tadio;
  • Cicatrizes menos evidente, entre outras.

Atualmente existem diversos procedimentos que podem ser realizados pela laparoscopia, sendo essa a técnica muito segura, mas que deve ser realizada por um ginecologista com treinamento e experiência em cirurgia laparoscópica. Antes de ser realizado qualquer tipo de procedimento, essa decisão deve ser conversada amplamente com o médico responsável, que indicará a melhor técnica para a situação da mulher.

As principais doenças e alterações tratadas pela laparoscopia são:

  • Endometriose;
  • Cistos ovarianos, incluindo endometriomas ovarianos;
  • Mioma uterino;
  • Gestação ectópica;
  • Aderências peritoneais;
  • Alterações tubárias;
  • Doença inflamatória pélvica, entre outras.

Toda mulher deseja cuidar de sua saúde e evitar que problemas afetem a sua fertilidade e a impossibilite de engravidar. Para isso, é necessário o acompanhamento de um médico de qualidade e confiança.

Os médicos da VidaBemVinda possuem certificação de área de atuação em Endoscopia Ginecológica pela FEBRASGO (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia), com experiência e técnicas para realizarem todos os tipos de cirurgias ginecológicas laparoscópicas e cirurgia robótica.

Custos VidaBemVinda