Tempo de Leitura: 2 minutos

Muitos casais que estão tentando ter um filho se perguntam qual a quantidade de espermatozoide para engravidar e se este fator realmente impacta no sucesso de uma gestação.

Afinal, será que a quantidade de esperma em cada ejaculação pode prejudicar a fertilidade masculina? Continue a leitura do artigo e descubra a resposta para essas questões!

Afinal, qual a quantidade de espermatozoide para engravidar?

A contagem de espermatozoides faz parte do espermograma, que consiste em uma análise pontual da quantidade e qualidade dos espermatozoides. Este exame pode avaliar a capacidade reprodutiva do homem e detectar problemas relacionados à infertilidade.

No exame, analisa-se três pontos:

  • quantidade de espermatozoides por ml;
  • motilidade, que consiste na habilidade de se locomover;
  • morfologia, que é a capacidade de penetrar o óvulo;

Os valores considerados dentro da normalidade em um resultado de espermograma, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), é de 15 milhões de espermatozoides por ML a cada ejaculação.

Entretanto, não é apenas a quantidade que impacta no sucesso de uma gravidez, também existem funções específicas de cada condição do espermatozoide que resulta na capacidade de fecundar o óvulo, como a motilidade e morfologia.

Logo, não é possível dizer, com precisão, qual a quantidade de espermatozoide para engravidar. Isso porque a diminuição do número da contagem no sêmen não anula as chances de uma gravidez, mas quanto menor o volume de líquido seminal, mais difícil é engravidar naturalmente.

Vale lembrar que toda a gravidez é um fenômeno estatístico. A cada ciclo de ovulação, as possibilidades de engravidar é de cerca de 20% para casais com condições normais de saúde.

Causas de pouco volume de sêmen na ejaculação

Como vimos, o baixo volume de líquido seminal pode impactar no sucesso de uma gravidez e a principal causa desta condição é a ejaculação retrógrada, quando o sêmen não consegue ser ejaculado por ter entrado na bexiga ao invés de sair pela uretra.

Quando se determina a esterilidade?

Não podemos dizer que um homem é estéril baseado em um espermograma ruim, a não ser que a quantidade de espermatozoides por ejaculação seja nula.

O casal que não conseguir engravidar depois de um ano de tentativas, deve procurar a VidaBemVinda para uma investigação da fertilidade masculina e também feminina.

Caso seja detectado uma alteração no espermograma (sem causa feminina), o tratamento varia de acordo com os resultados dos exames. Por isso, é imprescindível buscar ajuda especializada.

Agora que já sabe tudo sobre qual a quantidade de espermatozoide para engravidar, continue navegando no blog da VidaBemVinda para conferir mais artigos!