Tempo de Leitura: 4 minutos

A futura mamãe deve seguir alguns cuidados durante a gravidez para proteger a sua saúde e também a do bebê. Com essas medidas, é possível reduzir o risco de aborto espontâneo, parto prematuro e outras complicações.

Confira agora nossas dicas para se cuidar nesse momento tão especial e garanta uma gestação segura, saudável e tranquila.

1. Cuide da alimentação e suplementação

O recomendado é que a gestante siga uma dieta balanceada, que seja o mais natural possível, dando preferência a produtos orgânicos e evitando produtos industrializados. Também é importante ter uma alimentação fracionada, ou seja, comer pouco e várias vezes por dia uma vez que as alterações hormonais levam a uma redução no funcionamento do trato gastrointestinal.

Na gravidez, muitas vezes as mulheres têm seus famosos desejos e se dão o direito a comer de tudo. Entretanto, é uma época em que é necessário dar atenção especial à alimentação, já que os alimentos são importantes para fornecer os nutrientes, vitaminas e minerais necessários para a nutrição adequada da mãe, e crescimento e desenvolvimento adequado do bebê.

Claro que, se a mulher não tiver nenhuma doença, pode comer de tudo, desde que haja controle e seja priorizada a qualidade da alimentação. Esse é um dos cuidados primordiais durante a gravidez.

Quanto à suplementação, é recomendado o uso de ácido fólico e/ou folato desde antes da gravidez. Ômega 3, ferro e vitamina D também são importantes ao longo da gestação.

2. Faça os exames solicitados e consultas regulares

A gestante deve realizar consultas regularmente, o indicado é uma por mês. Já a partir do terceiro trimestre, a cada 15 dias e depois da 37ª semana, os retornos devem ser semanais. Essa recomendação é para um pré-natal de baixo risco, se houver outras condições clínicas associadas é necessário que tenha um acompanhamento mais frequente.

O acompanhamento com o obstetra é fundamental nesse momento e seu médico irá indicar quais exames são necessários. Geralmente, são solicitados os seguintes:

  • tipagem sanguínea
  • sorologias;
  • hemograma;
  • curva glicêmica;
  • entre outros.

Ao longo da gestação, também é importante realizar acompanhamento ultrassonográfico, com exames morfológicos — de primeiro e segundo trimestre — e obstétricos, que analisam o crescimento e a vitalidade do bebê, o funcionamento da placenta e a quantidade de líquido amniótico.

3. Tenha hábitos saudáveis

Dentre os cuidados durante a gravidez, é importante ressaltar que a gestante deve seguir bons hábitos, como não fumar nem ingerir bebida alcoólica.

Além disso, nesse momento, é normal que a mulher fique mais sensível e ansiosa, tanto pelos hormônios, quanto pelo contexto em que está inserida, principalmente quando é a primeira gestação. Por isso, é importante cuidar da saúde mental e emocional.

Recomenda-se meditação, ou qualquer outra prática que ajude no alívio do estresse, como hobbies, atividades relacionadas a arte e música.

Informar-se sobre a gestação e sobre os cuidados com os bebês pode ser um bom passatempo e ajudar a gestante ficar mais tranquila. Mas se este não for seu caso, deixe tantas informações um pouco de lado e busque conversar bastante com seu obstetra.

Se a grávida não estiver bem psicologicamente, pode ser importante buscar um acompanhamento psicológico.

4. Pratique exercício físico

Durante a gestação, outro cuidado importante é a prática de atividade física, pois contribui para o bem-estar geral. Pode contribuir com o fortalecimento ou manutenção da musculatura, preparando o corpo para tolerar o peso na reta final, assim como pode ajudar no controle do ganho de peso excessivo. Além disso, ajuda a melhorar a qualidade de sono e controlar o estresse e a ansiedade.

Se você estiver sedentária, é melhor iniciar alguma prática após os três meses iniciais da gestação. Se já pratica regularmente, pode manter os exercícios no primeiro trimestre, mas em uma intensidade mais leve.

Algumas das atividades recomendadas são pilates, yoga, natação, hidromassagem e caminhada. É fundamental evitar qualquer exercício com risco de impacto ou queda.

5. Cuidados estéticos também são importantes

A gravidez tende a pigmentar mais a pele, por isso é preciso redobrar os cuidados com o filtro solar. Também é necessário manter uma boa hidratação da pele e dar uma atenção especial as mamas, coxas e glúteos.

Se você usar algum produto dermatológico, como ácidos e clareadores, é recomendado fazer uma consulta com o dermatologista para que sejam indicados produtos que não sejam contra-indicados na gravidez.

6. Cuidados durante a gravidez com a vida sexual

Normalmente não existe nenhuma contra indicação às relações sexuais durante a gravidez, mas isso deve ser confirmado com o obstetra. Caso esteja tudo bem, o casal pode ficar tranquilo para ter relações.

A maior parte das mulheres sente uma piora da libido no primeiro trimestre. Depois dos primeiros meses, podem notar uma melhora e algumas, inclusive, ficam mais estimuladas, mas não é o que acontece com maior frequência.

Por outro lado, alguns maridos também podem ter certo receio de ter relação sexual com a mulher gestante. Então é importante respeitar o ritmo de cada um e encontrar um equilíbrio entre o casal.

Gostou de descobrir os cuidados durante a gravidez que você precisa se atentar? Na VidaBemVinda também fazemos acompanhamento ginecológico e obstétrico. Uma das nossas preocupações é oferecer um atendimento humanizado baseado em ética e respeito, o que é fundamental nesse momento tão especial.

Acesse o site da VidaBemVinda para conhecer mais sobre o nosso trabalho!